Diogo Maia‎ > ‎

Composição e Arranjo

    Diogo Maia começou a se interessar pela composição musical ainda na universidade. 
Foi aluno de Aylton Escobar e Gil Jardim, professores que o incentivaram e muito lhe 
ensinaram sobre orquestração, instrumentação, agógica e prosódia musicais, estilo e 
processo criativo.

    Nos primeiros anos de faculdade montou o Grupo Taboca, um sexteto instrumental 
que durou 3 anos e dividiu o palco com Hermeto Pascoal. Desde então passou 
a escrever composições e arranjos. Entre 1999 e 2001 participou de diversos festivais, 
onde pôde se aperfeiçoar e receber orientacão de Ian Guest, Leandro Braga e Vittor Santos. 
Em 2007 ingressou no quinteto de clarinetes Sujeito a Guincho e passou a ter uma orientação  
informal de Luca Raele.

    Escreveu diversos arranjos, tanto para os grupos que toca como para outros grupos. 
Dentre eles, estão:




Baião de Lacan (Guinga) - para Leila Pinheiro e Seis com Casca




Cine Baronesa (Guinga) - para Luis Afonso Montanha e Ensemble São Paulo

Comments